O que faz um lar? (Des)Igualdades para imigrantes em Portugal
28 set 2021
28 Sep 2021
Partilhar
share

Linha de Fuga promove uma nova Conversa com a Academia, amanhã, dia 29 de setembro, quarta-feira, pelas 18h00. “O que faz um lar?  (Des)Igualdades para imigrantes em Portugal” é o tema da sessão que juntará Mariana Ferreira (criadora) e Gaia Giuliani (investigadora CES) e na qual é possível intervir online ou presencialmente. A transmissão da conversa é feita desde a Rádio Baixa, com streaming no facebook de Linha de Fuga. O público pode estar presente no local, respeitando as regras da DGS. 


Residência Artística

A conversa “O que faz um lar?  (Des)Igualdades para imigrantes em Portugal” integra a 3.ª Residência Artística CONTRA|O|TEMPO que Linha de Fuga está a promover este ano. Desde 20 de setembro e até 17 de outubro, Mariana Ferreira, ​com a participação de Ágatha Barbosa aka DJ Cigarra, está a desenvolver o projeto «Home», no Centro Cultural Penedo da Saudade.

«Home» foi o projeto que Mariana Ferreira trouxe para a mais recente edição do laboratório Linha de Fuga. Volta à cidade que já conhece para trabalhar com Ágatha Barbosa aka DJ Cigarra, durante o mês que estão em residência.

A matéria fundadora desta criação é o conceito de lar, e de todos os tentáculos que dele brotam —como se altera, transforma, expande ou comprime —, depois de um processo de imigração. Através de recolhas de histórias pessoais com imigrantes residentes em Portugal, Mariana e Ágatha trabalharão esta ideia tão privada, quanto política.


Conversa com a Academia

Mariana Ferreira tem como foco da sua criação a ideia de lar a partir das comunidades imigrantes. Será o lar aquele lugar onde somos livres para escolher e para nos modificarmos. livres para agir e para participar social, política e culturalmente?

É este o ponto de partida para desenvolver a conversa: que reestruturação é necessária para cada pessoa na reconstrução de um lar? Será o lar esse espaço realmente privado ou é tão privado que se torna inacessível por medo da reação de um contexto de integração culturalmente diferente? Falaremos sobre a verdadeira igualdade de direitos entre cidadãos nacionais e cidadãos imigrantes: que discriminações enfrentam no seu espaço privado ? E porquê?



share
partilhar